Central de Atendimento: 11 5031-3365

Blog

Você está em: Home > Sustentabilidade e Meio Ambiente > O que é (e por que devemos reciclar) o lixo eletrônico?

Sustentabilidade e Meio Ambiente

O que é (e por que devemos reciclar) o lixo eletrônico?

Com o elevado uso de equipamentos eletrônicos no mundo moderno, o lixo eletrônico tem se tornado um grande problema ambiental quando não é descartado da forma correta.

Equipamentos e componentes como computadores, monitores, celulares, pilhas e baterias, televisores, lâmpadas fluorescentes, entre outros, compõem o chamado lixo eletrônico. No processo de produção desses equipamentos e acessórios, são usadas substâncias que podem garantir maior durabilidade e desempenho. Porém, quando a vida útil desses produtos chega ao fim, esses mesmos elementos podem representar sérios riscos à saúde das pessoas e ao meio ambiente se não forem descartados adequadamente. Mercúrio, chumbo, fósforo e cádmio são apenas alguns dos resíduos tóxicos encontrados nesses produtos.

Os restos de equipamentos eletrônicos contêm mais de 20 tipos de componentes que podem ser extremamente prejudiciais à saúde e ao meio ambiente e podem resultar na contaminação do espaço e das pessoas que fazem a sua manipulação, como as pessoas que separam materiais para reciclagem.
Sem saber exatamente como descartar equipamentos e acessórios eletrônicos, muitos consumidores tendem a deixar esses itens armazenados em casa até o dia em que fazem o descarte no lixo comum ou doam para alguém que possa gerar algum lucro com os componentes que possam ser revendidos ou reutilizados. O descarte desses produtos juntamente com o lixo comum pode gerar o vazamento das substâncias que mencionamos e contaminar o solo e os lençóis freáticos, os quais são responsáveis por boa parte da água que consumimos. 
 

QUAL É A SOLUÇÃO?


A solução é a reciclagem. Inicialmente, podemos reaproveitar todos os materiais que tenham condições de retornar ao processo produtivo, reduzindo a necessidade de se extrair mais elementos da natureza. Esse processo, que pode parecer custoso a princípio, traz benefícios à equação ambiental. Os materiais que não puderem ser reaproveitados devem ser descartados com segurança, em espaços preparados e devidamente regularizados para esse tipo de descarte, evitando a contaminação do solo e da água.

É importante ressaltar que esse tipo de resíduo não deve ser descartado em lixeiras comuns ­­– embrulhar em jornais ou plástico não ajuda em nada no processo. Com a crescente preocupação de governos e empresas com o descarte de lixo eletrônico, estão sendo criados programas de incentivo e regulamentações para a coleta do lixo eletrônico. 


Esses resíduos não devem, em hipótese alguma, ser depositados diretamente na natureza, como em aterros sanitários, por exemplo, pois contaminam a água, o solo e podem até afetar os lençóis subterrâneos e acumular-se em animais. Menos ainda se deve descartar resíduos eletrônicos na rua ou junto com o lixo comum, pois essa atitude pode acarretar problemas ambientais e contaminações diversas.
 

ONDE DESCARTAR O LIXO ELETRÔNICO?


Compre lixeiras e coletores para descarte de pilhas, baterias e celulares na Natural Limp 

Você tem pilhas, baterias, celulares, carregadores ou lâmpadas lotando suas gavetas? Talvez você já esteja ciente de que esse “e-lixo” não deve ser jogado no lixo comum, mas ainda não saiba o que fazer com ele.  É imprescindível que esses produtos sejam descartados corretamente, apenas em locais autorizados e que, preferencialmente, os equipamentos eletrônicos sejam enviados a cooperativas de reciclagem capacitadas para fazer essa coleta. Além de evitar a contaminação, essa atitude gera emprego e renda para esses trabalhadores.

A reciclagem de produtos eletrônicos ainda é feita em pequena escala. A maior parte dos metais é exportada para países que detêm a tecnologia para isso. As peças vão para o exterior, onde as substâncias tóxicas são separadas e reaproveitadas em novos produtos, como celulares, baterias etc. 
Conforme a legislação brasileira, os fabricantes e revendedores de eletrônicos já são obrigados a recolher celulares, pilhas e baterias. Entretanto, sabemos que esse será um processo gradual de adequação.

Entre em contato com a prefeitura de sua cidade para saber quais são os pontos de coleta desse tipo de resíduo.
Você pode também consultar o site do CEMPRE (Compromisso Empresarial para Reciclagem: www.cempre.org.br), no qual encontrará um mapa da reciclagem, onde você poderá buscar por quem recolhe eletrônicos e outros tipos de resíduos.
 
Para começar um ponto de coleta hoje mesmo em seu estabelecimento (empresas, associações de bairro, comércio, igrejas, escolas etc.) confira nossa linha de coletores para pilhas, baterias e celulares ou coletores de lâmpadas. Nem sempre é possível separar resíduos específicos em casa, mas o ambiente coletivo das empresas pode ser o ponto de encontro ideal para pessoas que acreditam que pequenas atitudes podem fazer uma grande diferença!
Além de colaborar com o meio ambiente, a instalação de um coletor de pilhas, celulares e bateras fará sua empresa demonstrar preocupação com a preservação do planeta, agregando valor à marca. 

Nós da Natural Limp temos orgulho de ser uma empresa pioneira em implantação de projetos de coleta seletiva.
Hoje, trabalhamos com lixeiras e coletores com capacidades que variam de 10 litros a mais de 1000 litros em materiais como polipropileno, polietileno injetado, polietileno rotomoldado de alto impacto, aço inox, aço galvanizado, entre outros. Seja o que você precisar, temos a solução ideal a preço justo!
Conte sempre com a nossa ajuda para encontrar a melhor solução em equipamentos para coleta seletiva em aplicações residenciais, comerciais, industriais e qualquer outra finalidade.


Saiba mais sobre nós:
"Quem Somos"
"Contato"
"Loja"


Natural Limp. Transformando sua relação com o meio ambiente!